terça-feira, 22 de maio de 2012

Assassino, eu??

"Porque a mensagem que ouvistes desde o princípio é esta: que nos amemos uns aos outros;
não segundo Caim, que era do Maligno e assassinou a seu irmão; e por que o assassinou? Porque as suas obras eram más, e as de seu irmão, justas.
Irmãos, não vos maravilheis se o mundo vos odeia.
Nós sabemos que já passamos da morte para a vida, porque amamos os irmãos, aquele que não ama permanece na morte.
Todo aquele que odeia a seu irmão é assassino; ora, vós sabeis que todo assassino não tem a vida eterna permanente em si." 1 João 3: 11-15

Deus ordenou e ponto! Todos os que possuem vida eterna amam seu irmão.

É muita cara de pau dizer que ama a Deus, que não vê, e ter raiva do irmão que fez ou disse algo que ela(e) não gostou!

Todo que não ama a seu irmão é semelhante a Caim: DO MALIGNO e ASSASSINO, pois Caim assassinou seu irmão que era justo. Logo, os que não amam um justo é do Maligno. 
Caim e Abel já estão mortos, essa passagem se encaixa é para todos que, HOJE, vivem a mesma situação.

Aquele que não ama seu irmão ainda não teve um encontro verdadeiro com Deus, ainda não alcançou a vida, e se continuar a insistir em não perdoar seu irmão; permanecerá com título de assassino diante de Deus e não possuirá a vida eterna, pois não há espaço no Seu reino para assassinos.

Importante: Não é impossível perdoar!




Nenhum comentário:

Postar um comentário