Vigiar e orar

"Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca." Marcos 14: 38

Vigiar é estar atento ao que acontece ao nosso redor e conosco, olhando e observando nossos atos em tempo integral, estando em sintonia direta com Deus não importando com o que está fazendo, é estar sempre conectado com Ele, e sem contar que passamos mais tempo vigiando do que orando, mas não quer dizer que uma é mais importante do que a outra, as duas precisam estar unidas pois serão para um único propósito: estar em sintonia com Deus. 
Vigiar e orar é uma obediência a Deus e todos nós, que assim fazemos, fechamos as brechas para o diabo nos tentar, nos enganar, nos conduzir ao erro e aos tropeços na palavra de Deus.
Não devemos nunca acharmos que estamos bem o suficientes para deixarmos de vigiar ou de orar, e nem pensar: "Amanhã eu prometo que oro e vigio Senhor, hoje estou ocupado (ou cansado) demais." Vigiar e orar são atitudes constantes e incansáveis, delas dependem também nossa salvação, pois evitará de cairmos em ciladas malignas e erros que desagradam a Deus.
Devemos lembrar: Todo tempo que ora e vigia é pouco. O diabo é um espírito não precisa dormir e nem comer, com isso tem todo tempo do mundo para planejar coisas para nos destruir.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Deus prova os pensamentos.

"Enquanto há vida, há esperança."