Perigo dos abismos.


Quando cometemos um erro, pecado, sem perceber e pedir perdão, certamente cometerá outro, e outro, e só paralisa até que perceba ou e se converta, pois "um abismo chama outro abismo" Salmos 42: 7.

A palavra de Deus orienta-nos a vigiar, ou seja, prestar atenção em nós e no que está a nossa volta para que não caiamos em uma situação como esta. O sr. Washington sempre me explica que preciso estar em espírito, ou seja, com os pensamentos ligados em Deus e na palavra para que o mundo não me sufoque com seu brilho e eu não perceba que cometi um pecado, um erro. Tirar o foco dos acontecimentos da vida, das compras, das contas, dos familiares, do trabalho e de todos os obstáculos que aparecem na vida não parece tão simples, mas é em extremo necessário. Bem na hora em que estamos desfocados em Deus, aparece uma situação difícil que só Deus pode resolver, e muitas das vezes foi causada pelo simples fato de não estarmos em espírito.
Até hoje luto para que as coisas do mundo não me sufoquem e perca o foco em Deus, pois quando cai em um abismo e vem outro ou outros, é como começar do zero novamente, com isso se perde tempo de estar mais próximo de Deus, das bençãos e até de ser santo, justo.
Agora meditemos: e se estivermos focados onde não precisamos, ou dentro de alguns abismos exatamente no dia da morte? A salvação já era...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Deus prova os pensamentos.

"Enquanto há vida, há esperança."